Look: Emilio Pucci

Gente no último fim de semana fui a um casamento lindo no Resort em Araçatuba, a cerimônia foi ao ar livre. Queria um vestido que combinasse bem com a ocasião, encontrei um Emilio Pucci perfeito no Dress a Porter, Leia mais...

Cantinhos de Estudo

Oi meninas(os), como estão?! Hoje quero colocar todo mundo pra estudar porque com a seleção de imagens que fiz para o post desta semana tenho certeza que todosss vocês vão querer um cantinho desses pra chamarem de seu!!! Um montão Leia mais...

Meu Look do Dia Dia

Meninas como ultimamente ando super corrida, não estou conseguindo fazer looks, eu, fotógrafa e tudo mais… mas sempre que gosto da minha produção estou procurando tirar foto do meu iphone mesmo, assim vocês acabam acompanhando o meu estilo no Leia mais...

Dia da Receita

Meninas que tal começar a semana com uma receitinha bem gostosa e fácil de fazer!! No feriado fui para campos, acho que vocês devem ter visto no meu insta @priscila_prado, fiquei apaixonada pela Panquecas Canadenses da pousada Canada Lodge Leia mais...

Inspiração de Sexta - Looks Glam Emilio Pucci

A marca Emilio Pucci, famosa por suas estampas, também se destaca pelos looks de festa mais sofisticados com bordados, rendas, aplicações ou por sua modelagem impecável. Fiz uma seleção de looks que amei da marca, com certeza vai servir Leia mais...

Meu Colete de Paetê

Meninas hoje estou usando um look bem sofisticado, calça de couro, basiquinha de seda e a peça chave nesta produção, um colete lindo de paetê, com certeza a peça com brilho levanta a produção e deixa com cara de Leia mais...

Maquiagem - Coleção Cinderela

Meninas estou encantada pela linha de maquiagem Cinderela da View Cosméticos. Ela é toda inspirada no filme, as cores, as embalagens tudo foi pensado nos mínimos detalhes, seguindo a tendência global fashion, representando a Princesa Moderna, com a versatilidade tanto Leia mais...

Colcci - SPFW Verão 2016

O assunto da noite era Gisele. Depois de mais de uma dezena de desfiles pela Colcci e 20 anos de carreira, a top model anunciou sua aposentadoria oficial das passarelas. Comoção geral, transmissão ao vivo do desfile no fim Leia mais...

Look Calça de Couro e Capa

Meninas estou amando looks com capa, que peça linda e elegante, não acham? Dá para usar com vestidos, calças, shorts, saias, e em vários tipos de ambientes, do trabalho ao dia a dia. Hoje escolhi uma combinação que amo usar Leia mais...

Água de Coco - SPFW Verão 2016

Meninas a marca cearense arrasou nas passarelas no SPFW Verão 2016. A renda em suas mais variadas técnicas faz desta uma coleção especial e que valoriza o lindo artesanato local. Bordado richilieu, renda bilro, renascença, filé, labirinto aparecem misturadas Leia mais...
26/02
2015

TOMIE OHTAKE (1913 – 2015)
por Caroline Zanovelo

“Morre a cor do Oriente” assim o jornalista Antonio Gonçalves Filho dá como título uma das matérias mais tristes que ele teria que escrever, creio eu, para o Estadão. Procurei colocar aqui mais de um olhar que estes grandes críticos tinham à respeito da arte, da cultura, e fim, procurei fazer uma síntese, mas mesmo assim, pra quem viveu mais de 100 anos seria um paradoxo, tentar resumir uma vida bemmm vivida como a de Tomie, em poucas palavras, ou poucas obras.
Aproveitando a síntese que o Jornal O Estado de São Paulo fez de forma cronológica da vida artística de Tomie Ohtake coloco aqui no blog e acrescento algumas imagens que as representam.
1936 – A Chegada: Tomie desembarca no porto de Santos para visitar um irmão e se encanta com o Brasil.
1952 – Primeiro quadro: Aos 39 anos, ela pinta uma natureza morta com flores.
1961 – Estréia na Bienal de SP: Já abstrata, ela participa pela primeira vez do evento.
1967 – Tomie vira brasileira: Aos 55 anos, a pintora decide se naturalizar brasileira.
1973 – Explosão Cromática: Telas ganham curvas e a paleta incorpora cores vivas.
1984 – Primeira obra pública: Pintura para empena de prédio na Ladeira da Memória.
1985 – Primeira escultura: “Estrela-do-mar”, escultura flutuante, é instalada no Rio.
1995 – Sala especial na Bienal: A 23a Bienal de SP monta sala especial com suas esculturas.
2001 – Abertura do Instituto: Retrospectiva dos 50 anos abre Instituto Tomie Ohtake.
2013 – Centenário da Artista: Aos 100 anos de Tomie, 15 mostras são abertas no país.
2015 – Às 12hr45, morre de choque séptico no Hospital Sírio Libanês.
Reportagem de Antonio Gonçalves Filho para o Estado de São Paulo.

EMANOEL ARAÚJO
diretor do Museu Afro Brasil

“Eu conheço a Tomie desde os anos 1960, quando ela foi à Bahia e almoçou na minha casa. Desde aquela época somos amigos. Eu ia à casa dela, ela ia à minha, ela gostava de comida baiana. A obra de Tomie foi uma obra que foi evoluindo com o tempo. Primeiro é um momento figurativo, depois ela passou para uma abstração esférica, e muitos japoneses experimentaram essa técnica. Depois ela foi se libertando, as formas foram se abrindo. Ela se tornou uma pintora muito importante, sob o ponto de vista de espaço, de formas. Ela foi uma criadora de belas formas, sobretudo uma grande colorista. Ela enveredou pela escultura, sempre com muito talento.

Era uma mulher espiritualmente eloquente, com essa capacidade oriental e, ao mesmo tempo, uma brasilidade que ela vivia a cada momento.
Deixa dois filhos maravilhosos, netos.

Por fim fizeram uma grande homenagem, aquele instituto com o nome dela. Tomie foi uma pessoa que viveu plenamente seu tempo. A gente lamenta um pouco por nós mesmos, a gente perde uma referência de nós mesmos. Ela poderia ficar mais um pouco, mas acho que buda e deus sabem o que fazer.”

Então segue abaixo a síntese das 10 fases preciosas de Tomie Ohtake por Emanoel Araújo:

1952 – 1954: No início de sua carreira, po dois anos, Tomie realiza pinturas figurativas, influenciada por artistas japoneses radicados em São Paulo, que ficaram conhecidos como grupo Seibi.
1955 – 1961: Opta pelo abstracionismo, utilizando, em geral, cores frias. Começa com elementos geométricos, que, no final da década de 1950, são desfeitos, tornando a pintura ainda mais abstrata. Em 1961, realiza a série “Pinturas Cegas”, feita de olhos vendados, uma crítica ao excesso de racionalismo na arte.
1962 – 1971: Muitas telas do início da década de 1960 lembram as de Mark Rothko, com campos de cores retangulares ou quadrados e forte contraste. Mas, se não renova o estilo, o faz na técnica: seu pincel toca a tela e depois percorre segura e ordenadamente a superfície, lembrando calígrafos japoneses.
1972 – 1980: Os limites das formas são mais precisos e aparecem as primeiras curvas. As cores se tornam mais homogêneas, e sua palheta se amplia, passando a utilizar tons como o rosa, o azul-claro e o laranja.
1981 – 1984: As curvas passam a ser sobrepostas, às vezes no mesmo tom, às vezes em tons distintos, criando um efeito de mobilidade, de vibração. O círculo também começa a ser usado nesse mesmo procedimento.
1986 – 1988: Aparecem formas triangulares e as cores deixam de ser homogêneas. Essa técnica cria um efeito de desestabilização do plano, denominado “sensibilidade cósmica”.
1989 – 1992: Consolida-se o caráter étereo das manchas de cores, mais sóbrias. Formas arredondadas continuam a dominar e, por conta das espirais, Tomie cria imagens que parecem cósmicas.
1993 – 1996: As imagens, antes discretas e sombrias, ganham contornos quase psicodélicos, com o uso de tons mais claros e formas ousadas, que lembram amebas. A artista parece sair de um espaço astronômico para alcançar um universo microscópico.
1997 – 2001: Muita telas dessa fase são recobertas com manchas de tinta monocromáticas. Sobre esse fundo, a artista cria traços simples, de outra cor, lembrando novamente a caligrafia japonesa.
2002 – 2012: O destaque dessa fase é o conjunto de 25 telas, feitas em dois anos, tendo o círculo como tema central. Em 2010, ela justificou de forma singela a escolha do elemento geométrico: “É muito sintético. Trabalhar só com ele é um desafio. E é o primeiro desenho que os bebês fazem com os dedinhos”.

RUY OHTAKE
aquiteto, filho de Tomie

“O comentário que eu posso fazer é uma palavra só, em maiúsculo. BEIJO TRANSUNIVERSAL!!! Beijo trans-universal que atravessa o universo. Foram meses muito ricos. A vida dela, pela vitalidade que ela sempre teve, o vigor que ela sempre teve. Ela queria ter alta do hospital para continuar trabalhando. “

E agora um vídeo muito especial que a GNT no programa CASA BRASILEIRA mostra as obras de Ruy Ohtake e necessariamente de sua mãe, TOMIE OHTAKE, vejam e emocionem-se:

http://youtu.be/R1eVFHD2ZwQ

‘O Brasil tem sol muito claro. Quando saí do navio, olhei para o céu e senti cheiro de amarelo. Ali, gostei do Brasil’

Tomie Ohtake

É com tristeza que escrevo este post mas também agradecida por tudo de maravilhoso que ela nos deixou, as mensagens através de suas obras e as poucas frases quando se permitia a tal. Obrigada Tomie, por este centenário muito bem vivido e aproveitado, cheio de amor e esperança, cheio de altruísmo em tudo o que fazia, ou seja, não cansava de acreditar em nós, na nossa geração e nas que virão por aí!

Caroline S. Zanovelo – Arquitetura. Interiores. Design de Mobiliário
16 pessoas amaram o post!

Você também poderá gostar…

Postado dia por Caroline Zanovelo em Decoração deixe um comentário
24/02
2015

Alexandre Birman na Grand Petit
por Priscila Prado

Meninas quero fazer um convite a todas vocês!!!
Amanhã e quinta feira vai acontecer uma venda exclusiva da marca de sapatos do Alexandre Birman aqui em Araçatuba na Loja Grand Petit.
A marca de sapatos Alexandre Birman , homônima do designer e dono da grife, já vem alçando um grande público fiel. Os sapatos são lindos!!

20150224-143109.jpg

Espero vocês!!
Super beijo

6 pessoas amaram o post!

Você também poderá gostar…

Postado dia por Priscila Prado em Trends deixe um comentário
23/02
2015

Cropped & Jeans
por Priscila Prado

Meninas vivo dizendo que sou contra usar umbigo aparecendo e aqui estou eu usando Cropped + Calça Jeans Baixa…. Deixa eu explicar melhor rs!!

Queria um look bem despojado e atual, quando me deparei com esta calça e este cropped da PatBo, foi amor a primeira vista. Montei a produção e achei que ficou super bacana e zero vulgar. Então vou ter que engolir seco quando eu falei que nunca usaria o umbigo aparecendo. A moda hoje em dia permite tudo desde que haja um bom senso. Permita-se!!!

As pulseiras Pandoras, desta vez foram três juntas, tudo junto e misturado, ficaram perfeitas e deram um Up na produção.

Espero que vocês gostem das fotos!!

Look: Cropped PatBo | Jeans PatBo | Scarpin Mixed | Óculos Dior So Real | Bag Dior | Pulseiras Pandora

Look: Loja Lolita

Pandora: Loja Grand Petit – R. José Bonifacio, 474 Centro – Tel (18) 3305-6770 Araçatuba/SP

Instagram Pandora: @pandoraeeternityjoias


17 pessoas amaram o post!

Você também poderá gostar…

Postado dia por Priscila Prado em Look do Dia, Pandora deixe um comentário
23/02
2015

Oscar 2015 – Red Dresses
por Priscila Prado

Meninas neste domingo, o Dolby Theatre, em Los Angeles, foi palco do Oscar 2015, a maior premiação do cinema. E claro, acontece o desfile com os melhores looks de Red Carpet. Com certeza, o vermelho foi a cor mais quente e com mais vestidos lindos neste Red Carpet, costumo dizer que a cor vermelha é o novo preto da vez. Fiz uma seleção de seis vestidos incríveis, agora é a vez de vocês votarem no melhor look vermelho da noite. Enjoy 😉

Qual o Melhor Look?

Ver resultados

Loading ... Loading …

13 pessoas amaram o post!

Você também poderá gostar…

Postado dia por Priscila Prado em Look Festa deixe um comentário
Copyright © Cherry Lady - Layout & Assessoria por Unite | Raquel Trevisi